Quem sou eu

Minha foto
Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil
Ziguezagueando por aí eu troco a pele. Fui pra lua morar!

sábado, 11 de outubro de 2008

Autobiografia em cinco capítulos-Portia Nelson


1- Caminho pela rua.
Há um profundo buraco no passeio
E caio lá dentro.
Estou perdido... não sei o que fazer.
A culpa não é minha.
Preciso de uma eternidade para descobrir a saída.

2- Caminho pela mesma rua.
E lá está um grande buraco no passeio.
Finjo que não vejo.
Caio outra vez.
Custa-me a acreditar que esteja no mesmo lugar,
Mas a culpa é toda minha.
Ainda preciso de muito tempo para sair.

3- Caminho pela mesma rua.
Há um profundo buraco no passeio.
Vejo que lá está.
Mas caio... Já é um hábito.
Tenho os olhos abertos,
Sei onde estou
Mas a culpa é minha
E saio imediatamente.

4- Caminho pela mesma rua
Há um grande buraco no passeio,
E passo ao lado.

5- Caminho por outra rua.

3 comentários:

João da Silva disse...

Senti um quê de filosofia oriental aqui. Vale?
Beijos, querida!

Anônimo disse...

Tou no caminho 3
sei onde é
um profundo buraco
detesto pensar que seja um hábito me recuso
não digo que a culpa é minha
não tou a fim de admitir

...

Mas que bom poder, mesmo dentro do buraco, fazer esta visita no teu lindo..lindo..lindo buraco(?) :-)


beijo de saudades

Rosana

Lica Veríssimo disse...

João,tem um toque de sabedoria milenar,né? Nossos hábitos e repetições sucessivas destes nos levam a refleteir sobre quantas vezes ainda cairemos nos velhos buracos.Obrigada pela visita.Bjo

Rosaaana,querida!Como está a Itália?Parece que surgiram alguns buracos... espero que saias imediatamente...hehehe
Bom ter a tua visita e carinho.
EScreve contando as notícias.Bjo